Acidentes com membros superiores

acidente

Suas mãos não sentem medo. Onde você determinar, elas vão se colocar…

O maior vilão dos acidentes com mãos são as máquinas e equipamentos. A NR 12 trouxe diversas inovações quanto à segurança com máquinas e equipamentos e, fatalmente interferirá na redução dos acidentes com mãos. No entanto, não adianta só a implementação da norma, sem a educação do trabalhador. É comum trabalhadores devassarem as proteções com vistas a aumentar a produção, ou mesmo por resistência às proteções.

Pode parecer demagogia, mas mãos limpas evitam acidentes. É preciso lembrar do acidente com as mãos lubrificadas que perdem o poder de pega, especialmente de volumes pesados, que inclusive podem atingir o corpo do trabalhador. 

O uso de anéis, pulseiras e relógios também podem representar o ponto de partida de um acidente com as mãos. Trabalhadores que operam máquinas deveriam ser proibidos de usar tais adornos.

Mas em pleno século XXI, ainda presenciamos muitos trabalhadores retirando limalha de ferro de um torno com as mãos, ao invés de utilizar instrumento próprio. A improvisação e a construção de gambiarras são os antecedentes mais comuns dos acidentes com as mãos.

Outra questão relevante é o uso de luvas. As luvas devem ser do exato tamanho das mãos. Luvas muito apertadas restringem a circulação. Luvas muito largas atrapalham o tato e podem ser agarradas por partes girantes. Assim, é preciso disciplinar o uso de luvas de tamanho adequado.

Nem se fale quanto a escolha adequada de luva para cada atividade. Já presenciamos muitos
trabalhadores utilizando luvas de raspa para atividades com agentes químicos…

E, por falta da luva apropriada, o trabalhador acaba fazendo uso de qualquer outro tipo de luva. Não realize a atividade se não houver equipamentos apropriados para a execução do trabalho.

Se não for possível o uso de luvas, por questões operacionais, substitua pelo creme protetivo, nos casos em que possa haver a absorção de agentes químicos.

Se não for possível de uso de determinadas luvas, em razão de reação alérgica, substituir
a luva, como por exemplo, luvas de látex por luvas de vinil.

Ao final do expediente, as luvas utilizadas devem ser viradas do avesso para secarem a transpiração das mãos, evitando a proliferação de microrganismos.

Autor: Antonio Carlos Vendrame

Avaliação
Fechar Menu